Quem sou eu

Olá, sou Leo Prates. Nasci em Salvador, Bahia. Grande parte da minha família é de Vitória da Conquista, terceira maior cidade do estado. Meu pai, Alfredo, é Engenheiro e minha mãe Ivonei, é Advogada. Aprendi, através da convivência familiar, os valores que me guiam até hoje: solidariedade, cuidado, atenção e trabalho e tive contato diário com a causa da saúde, sempre presente enquanto bandeira em nossa casa. Sou o filho do meio, irmão de Priscila e Vanessa, casado com Ana Paula Pitanga Prates, minha melhor amiga, e pai de dois filhos, Julinha e Leozinho. Sou engenheiro eletricista e pós-graduado em administração pela UFBA e iniciei minha carreira política através do movimento estudantil. 

Linha do tempo

Início da trajetória política
Fiz parte dos grêmios dos colégios Marista e Módulo, seguindo o mesmo caminho na Universidade. Fundei, com ACM Neto, o PFL Jovem e segui como seu assessor parlamentar e coordenador de campanha durante oito anos e também assessor especial da Prefeitura de Salvador durante três anos, ainda nesse período.
Vereador eleito duas vezes
Assumi meu primeiro mandato de vereador na Câmara Municipal de Salvador, em 2013, com 6.787 votos pelo Democratas, na coligação Pra Defender Salvador e fui reeleito em 2016 com 12.549 votos, também pelo Democratas. Em 2017, já tomei posse concorrendo e sendo eleito à Presidência do Legislativo Soteropolitano.
Presidente da câmara
Enquanto fui presidente, retomei os programas Câmara Itinerante, Educâmara e Escola do Legislativo e implantei a Rádio Câmara. Sob a minha administração, através de concurso público, aumentamos a diversidade do quadro de servidores efetivos com reserva de 30% das vagas para negros e 5% para pessoas deficientes.
Deputado estadual
Em 2018, disputei uma vaga na Assembleia Legislativa do Estado da Bahia, sendo eleito deputado estadual, no dia 7 de outubro, com 55.018 votos. Obtive o recorde de apresentação de projetos em um único dia na Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA): foram 61 Propostas Legislativas protocoladas na Casa.
Secretário Municipal de Promoção Social e Combate à Pobreza (SEMPRE)
Em 2019, ao me afastar do mandato de deputado, assumi o comando da SEMPRE e pude me dedicar às causas comunitárias por completo. Criei, na pasta, o Sempre Cidadão, para assegurar as diretrizes do Sistema Único da Assistência Social (Suas) e a Política Municipal da População em Situação de Rua.
Mais ações na sempre
Criei a DIPA (Diretoria de Bem-Estar, Proteção e Defesa dos Animais de Salvador); lancei o programa de requalificação dos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS) da cidade, o selo “Amigo do Autista”, novos serviços para pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA), além de diversas outras ações sociais.
Secretário Municipal da Saúde
Em 2019 fui nomeado Secretário Municipal da Saúde de Salvador. Logo no início da gestão, lancei o programa “Manda SMS para Mim”, para compreender as principais necessidades da população na área, colocando, assim, a cidade como a capital que mais ampliou o acesso aos serviços primários de saúde no país nos últimos anos.
Guerra à Covid-19
Em 2020 enfrentei o maior desafio da minha vida: a Guerra contra a Covid-19. Com nossa gestão, Salvador bateu recordes no enfrentamento: foram mais de 200 leitos de UTI instalados, 06 hospitais de campanha, 06 gripários e 04 unidades básicas de urgência e emergência, além de mais 5 milhões de doses de vacinas aplicadas.
Saída da SMS
Após 2 anos e 8 meses à frente da pasta, no dia 30 de março de 2022, deixei a Secretária Municipal de Saúde. O trabalho na SMS ainda rendeu a ampliação e modernização do SAMU, a inauguração da maior upa no norte/nordeste, a implantação do programa Mãe Salvador e a criação do programa Salvador Protege.
Retorno à ALBA e lançamento da pré-candidatura para Deputado Federal
Após 2 anos e 8 meses à frente da pasta, no dia 30 de março de 2022, deixei a Secretária Municipal de Saúde. O trabalho na SMS ainda rendeu a ampliação e modernização do SAMU, a inauguração da maior upa no norte/nordeste, a implantação do programa Mãe Salvador e a criação do programa Salvador Protege.